4 de jul de 2012

0

llembrA [...]


Você se lembrará de todos os beijos que teve medo de dar, de todas as brigas sem motivo ou por motivos bobos. Você lembrará de cada momento, de cada risada, de cada brincadeira. Se lembrará das vezes que chorou baixinho, sussurrou o nome dele e desejou que ele estivesse ao seu lado. Você se lembrará da distância, de quanto isso doía. E, que se não fosse por ela, você poderia ter sido muito mais feliz e o teria ao seu lado. Você irá sentir o cheiro dele em toda parte, irá senti-lo ao teu lado e sussurrando em teu ouvido. Você pode não o ver, mas ele estará ali. Você se lembrará dos toques dele, de como ele mexia em seu cabelo, como olhava em teus olhos e como esses olhos piscavam. Se lembrará de como você adorava deitar no ombro dele e acariciar seu braço.Se lembrará que apenas por conversar com ele, o seu dia já valia a pena, e você ficava feliz só dele dizer que te amava. Se lembrará de como ele te protegia, de como te abraçava, e como tudo era tão fácil quando ele estava presente. Lembrará que mesmo achando um pouco idiota, você sussurrava toda noite para ele dormir bem, e que o amava. Você se lembrará de como acreditava que ele estaria te ouvindo de alguma forma e estaria dizendo o mesmo.  (∞)

Nenhum comentário: